quarta-feira, 1 de abril de 2015

Policial militar é preso suspeito de matar mulher que está desaparecida Soldado teve a prisão decretada, mas nega o crime.


Um soldado da Polícia Militar foi preso, na tarde desta segunda-feira (30), suspeito de assassinato. O PM é investigado pelo desaparecimento da companheira dele, identificada como Lenilza Lopes, que está desaparecida.Para a polícia, o soldado teria matado e ocultado o corpo da mulher, ainda em outubro do ano passado, quando ela sumiu. A mãe da vitima relatou para a Polícia Civil que o casal estava passando por constantes brigas.
Baseado em depoimento de testemunhas e em informações encontradas no celular da vítima, o delegado Normando Feitosa, de Macaíba, conseguiu embasamento para que a Justiça expedisse o mandado de prisão temporária para o policial militar.
O soldado Diniz se apresentou na Delegacia de Macaíba, nesta tarde, e foi encaminhado para o Quartel do Comando Geral da PM, onde deverá ficar preso por 30 dias. Mesmo diante da negativa do suspeito, a polícia trabalha para tentar localizar o corpo de Lenilza.
blogrnnews

ACIDENTE GRAVE NA BR 304 NAS PROXIMIDADES DA COMUNIDADE MAISA. DUAS PESSOAS MORRERAM

Um acidente com duas vitimas fatais foi registrado na noite de terça feira 31 de Março de 2015, na Br 304 proximo ao assentamento Pau branco na zona rural de Mossoró Rio Grande do Norte. Uma colisão envolvendo uma moto tipo Biz de placa MYR 9186 com um veiculo de grande porte, culminou na morte de Francisco Sebastião da Silva, 28 anos de idade, morador da comunidade de São Chico no estado do Ceara, Jonas Garcia da Silva que tambem estava na motocicleta teve sua perna decepada, o mesmo foi socorrido com vida por uma equipe do Samu para o hospital Regional Tarcisio Maia em Mossoró, não resistiu aos ferimentos e morreu durante a madrugada desta quarta feira. Segundo informações, os dois seguiam da comunidade Pau Branco sentido Ceara quando foram colhidos pelo veiculo, que após o acidente evadiu-se do local sem prestar socorro. Uma viatura da Policia Rodoviaria Federal esteve no local realizando omisolamento até a chagada do Instituto Tecnico e Cientifico de Policia que fez a remoçao do corpo para sede dor orgão em Mossoró.


www.passandonahora

Polícia prende dois suspeitos da morte de menina de 4 anos Dupla foi detida na própria praia de Muriu, na tarde desta terça-feir.


A Polícia Militar e a Polícia Civil prenderam dois homens suspeitos de terem assassinado a menina Evelin Vitória Pereira Cruz, de 4 anos. A criança foi assassinada dentro de uma casa em Muriu, no final da noite desta segunda-feira, quando bandidos teriam invadido o local para matar o pai e a mãe da menina. 

Os suspeitos presos foram identificados até o momento apenas um pelo apelido de "Fia" e outro pelo nome de Cláudio. De acordo com o capitão Harisson, um desses suspeitos teria dado o "cavalo", que é auxiliar na fuga do resto do bando. 

O outro teria sido um dos homens que invadiu a casa e atirou contra a menina Evelin Vitória. Além da criança morta, a mãe dela e um irmão também menor de idade foram baleados, mas não correm risco de morte.

Bandidos invadem casa em Muriú e matam menina de quatro anos


Uma criança de quatro anos de idade identificada apenas como “Evelin” foi baleada e morta na noite desta segunda-feira (30), dentro de casa, na comunidade Porto Mirim, na praia de Muriú, litoral Norte do Estado. De acordo com a polícia quatro homens armados chegaram em um veículo e cor preta, , invadiram residência e atiraram em todas as pessoas que estavam o local. A mãe da garota e mais dois irmãos, sendo um de dois anos e um adolescente de 13, também foram baleados e socorridos em seguida.
Segundo testemunhas os suspeitos chegaram a casa procurando por uma mulher por nome de Alessandra e o marido dela, o homem teria fugido pulando o muro da casa, quando viu que seria morto, mas asa crianças e mãe ficaram na residência. Uma das visinhas informou a polícia que os criminosos atiraram diversas vezes atingindo todos que estavam na casa, a garota de quatro anos tentou correr e foi morta no próprio quarto. “Foram tantos tiros que todo mundo ficou dentro e casa com medo, a gente nunca imaginaria que acabaria numa tragédia dessas”, disse a mulher que pediu para não ter o nome divulgado.
Após o crime os suspeitos fugiram no carro que usaram para ir até ao local e não foram localizados pela polícia. O adolescente, o menino de dois nos e a mãe deles foram socorridos para o pronto socorro Clóvis Sarinho com vários ferimentos provocados por tiros. A polícia acredita em acerto de contas e que o casal seria o alvo dos atiradores.
Portal BO

terça-feira, 31 de março de 2015

Prefeito autoriza pagamento do mês de março nesta terça-feira, 31


O prefeito Josinaldo Marcos de Souza, (PSD), “Naldinho”, do município de Tibau, autorizou nesta segunda-feira, 30, o pagamento para todos os servidores efetivos, contratados e comissionados, que será depositado nesta terça-feira, 31.

Assim, ressalta o prefeito Naldinho, a Administração Pública Municipal segue cumprindo compromisso de pagar os servidores em dia. “Além disso, a administração vem pagando dentro do mês trabalhado”, observou Naldinho.

DÉCIMO TERCEIRO – Outro ponto positivo da administração municipal, tem sido com relação ao pagamento do décimo terceiro salário para os servidores efetivos no mês em que faz aniversário, o que acontece todos os meses.

quinta-feira, 26 de março de 2015

PRESO GRAVA VÍDEO AFIRMANDO QUE A DIRETORA DE ALCAÇUZ SERÁ ESQUARTEJADA E QUEIMADA,ASSISTA


Um presidiário ainda não identificado gravou um vídeo, no qual canta um rap e afirma que a diretora de Alcaçuz, a agente Dinorá Simas, será esquartejada e queimada. Além disso, na canção, o preso afirma que o juiz de Execuções Penais do RN, Henrique Baltazar, também será morto. O preso diz ainda que pertence a um grupo que comanda o Pavilhão 1. O preso diz que está “revoltado pra c,,” e ainda chama a diretora de Alcaçuz de “safada” entre outros palavrões”. No caso do juiz, o preso afirma que ele será morto com tiro de fuzil.Dinorá Simas afirma que tomou conhecimento do vídeo e já acionou a Secretaria Estadual de Segurança Pública, solicitando que seja aberta uma investigação para identificar o preso que canta e o que gravou o vídeo.

 VEJA O VÍDEO 

passandonahorarn

terça-feira, 24 de março de 2015

Bandas Grafith e Cavaleiros do Forró estão impedidas para festas públicas


x-prefeito Flávio Veras é apontado pelo MP como líder de esquema 
de desvio de recursos (foto: Arquivo) 

Além da prisão do ex-prefeito de Macau, Flávio Veras, as investigações da Operação Máscara Negra resultaram na proibição das empresas envolvidas de serem contratadas pelo poder público. Entre elas, as bandas Grafith e Cavaleiros do Forró.

Em entrevista coletiva, ontem, em Natal, o Procurador-Geral de Justiça Adjunto (PGJA) do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), Jovino Pereira, afirmou que os suspeitos praticaram crimes como peculato, desvio de verbas públicas e ausência de licitação, que resultaram no pedido de prisão de Flávio Veras. 

Segundo apurado pelo MPRN, Flávio Viera Veras seria o grande mentor e articulador dos esquemas criminosos de desvio de dinheiro público de Macau, estando no topo da cadeia por ter exercido o cargo de prefeito durante dois mandatos (2005/2008 e 2009/2012) e ter influência direta na atual administração municipal. Seria ele também o principal responsável pelas contratações das bandas que tocaram durante a sua gestão e também nos anos de 2013 e 2014 além do carnaval deste ano. 

Jovino Pereira ressaltou que apesar de Flávio Veras estar afastado da prefeitura, as investigações decorrentes da Operação Máscara Negra apontaram que ele continuava com a mesma influência para praticar os crimes contra a administração pública. A prisão foi decretada como forma de garantir a ordem pública e conveniência da instrução criminal em razão dos fatos denunciados nos últimos meses pela Promotoria de Macau referentes às investigações decorrentes da Operação. 

Esquema 

Os promotores explicaram que o esquema de desvio de verbas públicas incluía a figura de um empresário interposto local, responsável por intermediar o contrato da Prefeitura com a banda, superfaturando o documento. Esse agente atuava ao mesmo tempo como laranja de Flávio Veras, repassando o valor excedente ao que foi pago à banda, mas também retia uma parte do dinheiro como uma espécie de comissão para ele. 

“As acusações de agora são todas relativas ao Carnaval de 2011, com uma cifra de R$ 1,515 milhão. No entanto, as investigações sobre a realização de outras festas promovidas em Macau continuam sendo investigadas”, explicou a promotora Isabel Menezes, segundo assessoria de imprensa do Ministério Público do RN. 
O Mossoroense

Pai é preso suspeito de abusar da própria filha de 13 anos em Lucrécia


LUCRÉCIA (RN) – Um homem identificado como Francisco Denis Bezerra da Silva, 31 anos, morador da cidade de Lucrécia, distante 290,38 km de Natal, capital do Rio Grande do Norte, foi preso sábado (21) acusado de estupro de vulnerável. Segundo a polícia o homem abusava da própria filha, uma menor de 13 anos.
Polícia da 7ª Delegacia Regional de Policia Civil - DRPC autua em flagrante delito a pessoa de Francisco Denis por ter incorrido no crime de estupro de vulnerável, uma vez mantivera conjunção carnal com sua filha de 13 anos de idade, utilizando-se de grave ameaça. 
Segundo relatos da genitora da vítima, o autuado também tentou abusar da outra filha menor de 11 anos de idade há cerca de 8 meses. Em seu interrogatório o suspeito assumiu o erro e demonstrou arrependimento pelo que fez. As filhas estavam extremamente abaladas e a população tentou linchá-lo, mas, a Polícia Militar, sob o comando do Cabo Giliarde, impediu. 
A Justiça homologou a prisão em flagrante e decretou a preventiva do estuprador. "O Delegado Erick Gomes que realizou o procedimento esclareceu ainda que teve o maior cuidado para não expor as menores, bem como diligenciar no sentido de comprovar que estavam falando a verdade, não obstante o suspeito ter confessado o crime. 
IcemCaraubas

EX-PREFEITO DE MACAU FOI PRESO PARA NÃO ATRAPALHAR NAS INVESTIGAÇÕES, DIZ MP DO RN

O andamento de novas investigações sobre desvios de dinheiro público na contratação de bandas motivaram a prisão do ex-prefeito de Macau, Flávio Veras. As informações foram repassadas por promotores de Justiça em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira (23) sobre o processo referente à Operação Máscara Negra, deflagrada em abril de 2013 pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte.

O procurador-geral de Justiça adjunto do MP, Jovino Pereira, ressaltou que apesar de Flávio Vieira Veras estar afastado da prefeitura, as investigações decorrentes da Operação Máscara Negra apontaram que ele continuava com a mesma influência para praticar os crimes contra a administração pública. A prisão foi decretada para não atrapalhar a investigação das novas denúncias apresentadas pela pela Promotoria de Justiça de Macau nos últimos meses.

O ex-prefeito foi preso em Natal por força de um mandado de prisão preventiva e realizou o exame de corpo delito no início da tarde no Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep). Flávio Veras está detido no Centro de Detenção Provisória da Ribeira, na Zona Leste de Natal. O MP ressaltou que foi a reiterada prática de crimes como peculato, desvio de verbas públicas e ausência de licitação contra o ex-prefeito.

A prisão foi coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do RN. Em fevereiro deste ano, o ex-prefeito e outras nove pessoas foram denunciadas pelo MP suspeitos de desviarem mais de R$ 1,2 milhão no carnaval de 2011 em contratações de bandas, sem licitação, com valores superfaturados.

Dentre os denunciados também estão o vereador de Natal e integrante da banda Grafith Junior Grafith e o empresário Alex Padang. O grupo acusado de desviar recursos é composto ainda por servidores públicos municipais, segundo o MP.

Ao todo, a operação Máscara Negra resultou em três denúncias de desvio de recursos em contratação de bandas. De acordo com as denúncias de fevereiro, o grupo contratou, sem licitação, 27 bandas para o carnaval de 2011, promovido pela Prefeitura de Macau, cujo valor gasto somente com tais contratações totalizaram R$ 2,7 milhões.

Segundo o MP, após minuciosa apuração, ficou comprovado o superfaturamento e consequente desvio de R$ 1,2 milhão dos cofres públicos realizado através de prévios acertos entre servidores públicos, chefiados pelo ex-prefeito Flávio Veras e os empresários que intermediavam as contratações. O contrato com a Prefeitura foi celebrado em valores muito superiores aos que as bandas efetivamente receberam, sendo a diferença desviada em benefício dos associados do crime.

As denúncias oferecidas são decorrentes das investigações que deram origem à Operação Máscara Negra, realizada em 2013, que deu cumprimento a 53 mandados de busca e apreensões e 14 mandados de prisões temporárias expedidos pela comarca de Macau
www.sanranews

terça-feira, 17 de março de 2015

Jovens Tibauenses são presos acusados por trafico de drogas na cidade de Tibau RN.


Na tarde desta Terça feira 17 de Março por volta das 15:30mn,a guarnição composta pelos sd lima e o sd nero,que tem o novo comando do SGT ALVES, (Caio cesar) que vem iniciando seus trabalhos com resultados positivo em nossa cidade, efetuaram a prisão de duas pessoas portando drogas,tipo maconha cerca de 100 gramas,trata-se de Denílson Paulino de Souza 18 anos vulgo manga mole e Vanderson Souza Barreto vulgo carioca 23 anos,todos residentes na cidade de Tibau , a prisão ocorreu na praia de gado bravo quando os mesmos trafegavam em uma moto Honda biz de cor preta de placa MXP 9198 da cidade de Caraúbas.os mesmos foram encaminhados ate a delegacia de Tibau e em seguida foram conduzidos ate a delegacia da cidade de Areia Branca para que sejam feito os procedimento cabíveis aos meliantes.


Ao ouvir os policiais do destacamento da cidade de Tibau, eles nos repassaram que o Denílson Paulino de Souza já era uma pessoa bastante trabalhosa para a sociedade tibauense,quando menor teve varias passagens com coisas ilícitas e hoje apos a prisão, uma surpresa tanto para a policia quanto para a população o mesmo é considerado maior de idade (18) anos onde temos a esperança que passe um bom tempo fora de circulação da nossa sociedade,,finalizou os Pms.





Informações: do destacamento de polícia de Tibau / Via Tibau noticias.

PRINCÍPIO DE REBELIÃO NA PAMN (PENITENCIÁRIA AGRÍCOLA DR.MÁRIO NEGÓCIO), EM MOSSORÓ.

Foto: WhatsApp
Uma onda de rebeliões que tomou conta de alguns presídios estaduais no Rio Grande do Norte, chegou a assustar e gerar preocupação na cidade de Mossoró. No final da manhã desta terça-feira, 17 de Março de 2015, por volta das 11:30hs, presos do regime fechado da PANM (Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio), deram início a um princípio de rebelião, ateando fogo em colchões e destruíram grades de 18 celas do Pavilhão 3 nos lados A e B do fechado. De acordo com as informações após ser pedido apoio pela direção do presídio, efetivos da polícia militar de Mossoró chegaram rápido e conseguiram controlar a situação. 
Agentes Penitenciários, com apoio do GEP (Grupo de Escolta Penal), viaturas da Polícia Militar, como o G.T.O, Força Tática, agentes que estavam de folga também foram acionados, além de agentes do Presídio Federal foram em apoio, para conter a revolta de aproximadamente 200 presos. Após duas horas toda a situação foi contornada. Segundo o chefe de segurança do presídio, José Fernandes, a rebelião deu início após segundo ele, cerca de 8 líderes, que seria do PCC e Sindicato do RN terem recebido ordem partida da capital do estado para se rebelarem. Cerca de quatro presos ficaram feridos após serem feitos de reféns pelos outros presos. 
Ainda de acordo com o José Fernandes, a PAMN comporta hoje cerca de 520 detentos, sendo que, o pavilhão que abriga os presos do semi-aberto tem capacidade para 320 preso,s e está atualmente com 120. Já o regime fechado pode abrigar até 200 presos, e no momentocomporta o dobro, ou seja, cerca de 400 presos, distribuídos em três pavilhões, que ele considera o pavilhão 3 o mais complicado. Um dos presos que foi feito refém, e foi atendido pelo SAMU ainda dentro da unidade, por sorte e pela ação rápida dos agentes e dos policiais que interviram eles estão vivos. Segundo o preso a ordem partiu de Natal após os presos de Alcaçuz reivindicarem a saída da diretora Dinorá. Ainda de acordo com o preso eles aqui em Mossoró não tem nada haver com isso e estão sendo penalizados e massacrados. 
Para o comandante da Polícia Militar Major Humberto toda a ordem será mantida e a população mossoroense fique tranquila no tocante ao patrulhamento ostensivo em toda Mossoró tranquilizando a todos. Para ele algumas pessoas ficam usando de má fé, criando áudios inverídicos tentando aterrorizar as pessoas da nossa cidade. 







Passandonahora

Força Nacional chega a Natal para atuar na contenção de rebeliões



Um avião Hercules da Força Aérea Brasileira pousou na Base da Aeronáutica em Parnamirim no final da manhã desta terça-feira, 17, trazendo 79 homens da Força Nacional de Segurança para atuar na contenção das rebeliões e atos de vandalismo que vêem ocorrendo no Rio Grande do Norte nos últimos dias.

A presença das tropas da Força Nacional foi solicitada pelo Governador Robinson Faria para reforçar o trabalho do sistema de segurança do Estado dentro das medidas emergenciais tomadas pela administração.

Os homens que desembarcaram na Base Aérea vieram de Brasília e seriam transportados em cinco ônibus. 

Segundo a Secretaria de Estado da Segurança Pública a expectativa é que a tropa chegue a 200 militares ainda nesta terça. O número total deverá ser de 300 homens reforçando a segurança no Estado.


 http://www.rn.gov.br/

sexta-feira, 13 de março de 2015

PM PRENDE QUATRO MOSSOROENSE ACUSADOS DE ARROMBAMENTOS E FURTOS NA CIDADE DE UPANEMA E REGIÃO.

Na noite de quinta feira (12) e madrugada de sexta feira, (13) de março de 2015, Policiais Militares da Cidade de Upanema, comandada pelo Sargento Juscelino, juntamente com os soldados Gilmar e Amadeu, com apoio da ROCAM, sob o comando do Sargento Renixon e os guerreiros Alan e Deassis, desarticularam e prenderem um quarteto que vinha atuando na Cidade de Upanema e região do Rio Grande do Norte, praticando arrombamentos e furtando objetos em estabelecimentos comerciais.

Quarteto preso e apresentados na DP/Mossoró

Por volta das 23 horas quando deu-se inicio a busca da policia militar aos arrombadores de 01 farmácia e 01 loja de roupas, na cidade de Upanema, os policiais conseguiram prender o quarteto já a caminho da cidade de Jucurutu, possivelmente onde o grupo iria praticar outros arrombamentos.

Após a prisão dos acusados, os policiais vinheram até o Bairro Santo Antonio na Cidade de Mossoró, na residência de ANDRÉ, um dos acusados, e também é investigado por dois homicídios, 01 em Patu e outro em Catolé do Rocha, onde foram encontrados parte dos objetos roubados. Ainda fomos informados que só em duas lojas que foram arrobadas em Upanema o prejuízo chegaram a R$ 13,000,00.

Após o desenrolar da ocorrência feita com êxito pela policia militar, além do quarteto preso, parte dos objetos recuperados, foram apreendidos, 01 revolver calibre 38 municiado com 05 munições intactas, 01 pé de cabra, 01 alicate tipo torques, 01 chave de fenda e 01 alicate convencional, que era usado para arrombar as lojas.


Foram presos e encaminhados até a Delegacia de Plantão de Mossoró, para serem apresentados ao delegado plantonista do dia em serviços, para serem feitos os flagrantes: CARLOS ANDRÉ DANTAS DE OLIVEIRA, 36 anos de idade, natural de Catolé do Rocha/PB. JORGIVAN FERNANDES DA SILVA, 42 anos de idade e FRANCISCO BRUNO MAIA DA SILVA, 20 anos idade, FRANCISCO ALISSON DE FREITAS, 20 anos de idade, todos residentes da Cidade de Mossoró/RN.

André


Os quatros acusados presos
www.4dzpatrulha